Por que passamos por tantas aflições?

“No mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo eu venci o mundo.” (João 16: 33)

O próprio Jesus deixou bem claro que não seria nada fácil, portanto, a porta é estreita e bem estreita (Mt 6: 13-14). Independente da religião ou da condição social, todos nós passamos por situações adversas.

Uns dos motivos das nossas aflições são resultantes das nossas próprias atitudes ou decisões. Colhemos o que plantamos!

“Não erreis; Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isto também ceifará.” (Gálatas 6: 7)

E outro, naturalmente, é a perseguição que os cristãos sofrem por servir a Deus.

“Sabemos que somos de Deus e que todo o mundo está no maligno.” (1 João 5: 19)

“Se o mundo vos aborrece, sabei que, primeiro do que a vós, me aborreceu a mim.” (João 15: 18)

Essas situações servem para que possamos saber até onde vai a nossa fé, o nosso conhecimento, as nossas fraquezas, nossas qualidades, nosso talento, enfim; nossos limites.

Portanto, Deus usa todas essas situações para nos capacitar e assim, as perseguições que sofremos nos fazem cada vez mais fortes, pois sabemos que as lágrimas nos ensinam muito mais do que o sorriso, que as adversidades nos encorajam ainda mais para vencermos os desafios que encontramos pela frente.

“Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados; perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos.” (2 Coríntios 4: 8-9)

Muitas vezes passamos por situações que parecem incompreensíveis em nossas vidas, mas Deus esta sempre pelejando por nós em qualquer situação, o poder de Deus se aperfeiçoa nas fraquezas, então se faz necessário que passamos por tribulações.

“E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa nas fraquezas...” (2 Coríntios 12: 9)

É como se estivéssemos em um campo de batalha (batalha espiritual) cada peleja que a gente vence subimos mais um degrau e assim, saímos mais experientes, mais capacitados para recebermos as nossas bênçãos.

“Porque não temos que lutar contra a carne e sangue, mas, sim, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais.” (Efésios 6: 12)

É um pensamento lógico, sem luta não a vitória, sem vitória não a benção!

“Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo a nossa fé.” (1 João 5: 4)

À aflição de espírito é campo de batalha, treinamento pesado para a guerra (espiritual), é onde desenvolvemos a nossa fé e a nossa paciência.
O apóstolo Tiago escreveu da seguinte maneira: “Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações, sabendo que a prova da vossa fé produz a paciência.” (1: 2-3)

Vamos ver mais alguns versículos bíblicos:

“Em que vós grandemente vos alegrais, ainda que agora importa, sendo necessário, que estejais por um pouco contristados com várias tentações, para que a prova da vossa fé, muito mais preciosa do que o ouro que perece e é provado pelo fogo, se ache em louvor, e honra, e glória na revelação de Jesus Cristo.” (1 Pedro 1: 6-7)

“Foi-me bom ter sido afligido, para que aprendesse os teus estatutos.” (Salmo 119: 71)

“Pois tu, ó Deus, nos provaste; tu nos afinaste como se afina a prata.” (Salmo 66: 10)

“Antes de ser afligido, andava errado; mas agora guardo a tua palavra. Tu és bom e abençoador; ensina-me os teus estatutos.” (Salmo119: 67-68)

“Bem-aventurado é o homem a quem tu repreendes, o SENHOR, e a quem ensinas a tua lei.” (Salmo 94: 12)

“E não somente isto, más também nos gloriamos nas tribulações, sabendo que a tribulação produz paciência; e a paciência, a experiência; e a experiência, a esperança. E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo o Espírito Santo que nos foi dado.” (Romanos 5: 3-5)

Quando somos afligidos ou provados em alguma coisa nada mais é que um aprimoramento na nossa vida espiritual, isso é muitíssimo importante.
Na verdade, são muitas perguntas que no decorrer da nossa caminhada nós vamos encontrando as respostas na medida em que vamos dando os primeiros passos no evangelho.

Todas essas indagações servem para mostrar a nossa pequenez diante do Pai, e a nossa incapacidade de andar sozinho, pois precisamos dEle com nosso Pai, Amigo e Conselheiro o nosso refúgio e fortaleza em quem devemos confiar.

“...Ele é meu refúgio, a minha fortaleza, e nele confiarei.” (salmo 91: 2)

Fomos criados para sermos vitoriosos! Fomos criados por Alguém que não conhece derrota, basta uma palavra dEle, e tudo pode mudar, a qualquer hora, a qualquer momento.

Devemos esperar no SENHOR, pois Ele tem sempre o melhor para nós e nada pode ser feito sem a sua autorização, ou seja, Deus sabe o que precisamos, pois Ele sonda os corações e sabe o que realmente você está desejando ou em que está pensado.

“Todo caminho do homem é reto aos seus olhos, mas o SENHOR sonda os corações.” (Provérbios 21: 2)

Saiba que a nossa vitória já foi decretada quando Ele deu seu Filho amado para ser sacrificado por nós, e que nada e ninguém pode mudar essa história. Agora cabe a nós tomarmos posse dessa vitória, reescrever o nosso nome novamente no livro da vida, aceitando Jesus como nosso único e fiel salvador! Andando em seus caminhos, dando a Ele toda honra e toda glória que só Ele merece.

Podendo assim ficar diante da proteção daquEle que tudo pode, recebendo reposta das nossas orações e crendo que o melhor de Deus está reservado para nós, e que é infinitamente melhor do que tudo que possamos imaginar, tanto aqui como na eternidade.

“Bem-aventurados os que sofrem perseguições por causa da justiça, porque deles é o Reino de Deus.” (Mateus 5: 10)

Chegará um dia em que todas as dores, todas as tristezas, todas as injustiças serão aniquiladas, e a nossa morada será no céu com o Nosso Senhor Jesus.

“E Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor, porque já as primeiras coisas são passadas.” (Apocalipse 21: 4)

Conclusão: Podemos ver que todas as pessoas são afligidas, umas porque são fiéis a Deus, outras, porque agem de maneira errada e aí são obrigadas a sofrerem as conseqüências, e também, existem aqueles que estão a serviço de Satanás e claro... não ficaram sem suas devidas aflições. A grande diferença entre os fiéis e os outros é a maneira de encarar as provações.

“Então, vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus e o que não serve.” (Malaquias 3: 18)

Ed Cláudio M. Cruz

9 comentários:

Anônimo disse...

Ótimo.Obrigada por compartilhar.

JAIME - EXCURÇÕES COMPRAS disse...

Obrigado SENHOR por estas sabias palavras

JAIME - EXCURÇÕES COMPRAS disse...

Obrigado SENHOR por estas sabias palavras

JAIME - EXCURÇÕES COMPRAS disse...

Obrigado SENHOR por estas sabias palavras

Thaís Luiza disse...

muito bom mesmo, que Deus continue abençoando sempre.☺��

ZEC1 disse...

É nas aflições que paramos pra pensar no porquê de tanto sofrimento. Fazemos uma auto - -analise e acabamos por associar as coisas erradas que fizemos com a punição que recebemos. Toda ação tem sua reação, mas que serve de estudo para melhorarmos e sairmos fortalecidos ainda mais... E assim como Jo,não podemos perder a fé pois no final a bênção recairá sobre os que não se revoltaram contra Deus no momento de tribulação. Que o Senhor me fortaleça para que eu possa passar por mais essa tristeza mudana, pois dos meus graves pecados eu já me arrependi e estou a cada dia me tornando um novo homem, forjado pela graça do Pai que já me perdoou pelas minhas iniquidades, mas também está me ensinando aos poucos que eu vim ao mundo para servi-lo e Ele me ama incondicionalmente. Desejo a todos os que lerem essas palavras a força do Espírito Santo para se reerguer da situação em que possivelmente se encontra nesse momento. Obrigado meu Deus misericordioso, por nunca desistir de mim mesmo eu não merecendo ser chamado de teu filho. Te amo Senhor. Que seu nome seja glorificado por toda a eternidade. AMEM.

Benicio Antonio Tchinguenji disse...

O senhor seja louvado da internidade a internidade.

Sala Parceiria de Compositores disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sala Parceiria de Compositores disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

As mais lidas

Notícias Gospel

Gospel+

Por Gospel+ - Gospel+ Noticias

Widget gerado por Gospel Prime